Editado pelo casal NascimentoPoa, este blog conta, sob uma ótica descompromissada, as histórias das viagens e passeios que o casal realizou, seja por excursões, de automóvel, motocicleta, ou, outro meio de transporte.

Todas as imagens e conteúdo deste blog está protegido pela Lei de Direitos Autorais.

sexta-feira, 25 de março de 2011

Pelourinho - Salvador - BA




Saindo do elevador Lacerda na cidade alta, você vai deparar-se com uma vista maravilhosa, digna de um cartão postal. Passando a Praça da Sé, você encontra o "Pelô" ou Pelourinho.
Somente a partir de 1.980 com o reconhecimento do casario como patrimônio da humanidade pela UNESCO e, dos anos 90 (com a revitalização da região), é que o Pelourinho transformou-se no que é hoje: um centro de "efervescência" cultural. Efervescência esta, que transborda, principalmente, no carnaval.



Na tarde de domingo, 06/03/11 - o Pelô estava lotado.
Além da concentração numerosa dos Filhos de Gandhy, dito, maior e mais belo grupo afoxé de Salvador, pequenos blocos circulavam interminantemente pelas ruas estreitas, impondo o ritmo do carnaval.








Os casarios, em sua maioria, são comércios que oferecem roupas, artesanato, e todo tipo de lembrança. Nas ruas, pelas calçadas, o que mais se via, eram profissionais preparando os Filhos de Gandhy, com suas vestimentas sempre bem elaboradas e cuidadas.



Lá pelas três da tarde, conseguimos um restaurante onde comemos um prato feito, o famoso PF, com filé de frango ou peixe, arroz, batata frita ou purê, salada e, como não podia faltar, um boa pimenta. Preço do PF = R$ 12,00. Cerveja lata 350ml = R$ 2,50.
Bom preço! Afinal, quando chegamos a Salvador, 01/03/11, terça-feira anterior, os preços praticados eram outros em relação ao carnaval. De sexta até a quarta-feira, os preços aumentaram geral. Até o combustível subiu!




Aguardem vídeos dos blocos que circulam pelo Pelourinho.




Nenhum comentário:

Postar um comentário